Microfisioterapia: o que é e para o que serve?

0
1246

Técnica de terapia manual que consiste em toques muito suaves pelo corpo, que buscam por pontos onde há perda de vitalidade corporal.

Estes pontos são chamados bloqueios ou cicatrizes patológicas, que representam memórias celulares repletas de registros de situações não resolvidas pelo organismo. Estas células em disfunção desencadeiam sintomas, doenças, e dificuldades que limitam a vida pessoal, social e/ou profissional.

Estas experiências podem datar do período gestacional, infância, adolescência e juventude, vida adulta. Podem trazer traumas emocionais, físicos, tóxicos e ambientais. O fisioterapeuta com formação em Microfisioterapia, é o profissional habilitado para aplicar esta técnica. Ele faz a leitura do sintoma do paciente e seus gestos precisos promovem no corpo um processo de auto regeneração.

Existem várias indicações para a aplicação da Microfisioterapia, entre elas as alergias de pele e respiratórias, enxaquecas, fibromialgia, síndrome de pânico, dores crônicas, fobias, transtornos de ansiedade, déficit de atenção, hiperatividade e insônia.

Duas sessões com duração de uma hora cada e intervalo de 60 dias são suficientes para resultados positivos. Não há necessidade de roupa especial, e o paciente permanece deitado durante a sessão. A Microfisioterapia tem origem na França e é considerada uma prática complementar à medicina tradicional e tem sido cada vez mais conhecida no Brasil.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, preencha seu nome